logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

GestureChess

Escrito por Paula Penedo   
Qua, 11 de Fevereiro de 2015 14:04

gesture chessUma aplicação que permite controlar um jogo de xadrez virtual por meio do reconhecimento de gestos foi desenvolvida no Laboratório de Visualização Imersiva, Interativa e Colaborativa (LaVIIC) do Departamento de Computação (DC) da UFSCar. Criação dos pesquisadores Luis Carlos Trevelin, Alexandre Fonseca Brandão e Diego Roberto Colombo Dias, o GestureChess faz parte do conjunto de aplicações GestureCollections, que tem o objetivo de complementar a fisioterapia tradicional no processo de reabilitação de pacientes com dificuldades neuro-músculo-esqueléticas.


O controle do GestureChess é realizado com gestos feitos pela mão do usuário, que são captados através do Microsoft Kinect, um sensor de voz e movimentos em tempo real altamente difundido no meio de aplicações que necessitam de rastreamento corporal. A partir de um primeiro movimento de simulação em push (clique), o software gera coordenadas espaciais 0,0, que permitem associar os movimentos às coordenadas do mouse. Em seguida a pessoa simula um segundo clique em cima do local para onde quer que a peça vá, dando início à partida de xadrez.


A aplicação está classificada entre os chamados serious games, jogos criados para abordar aspectos que vão além do entretenimento e que visam simular situações do cotidiano, com o objetivo de proporcionar uma alternativa mais lúdica de treinamento e reabilitação. Para que ele possa ser utilizado por pessoas com diferentes capacidades motoras, foi implementado um método para incrementar a posição do ponteiro, que é variado de acordo com a velocidade imposta pela mão. Assim, se a mão for deslocada a alguns centímetros para a direita, o mouse continuará se deslocando até a mão voltar à posição 0,0, permitindo que mesmo pacientes com grandes limitações de movimento do membro superior possam aproveitar o jogo.


Alexandre Brandão explica que uma das características do programa é que ele controla o próprio computador. Dessa forma, mesmo se retirar o jogo de xadrez, é possível movimentar o mouse, abrir pastas e até fazer apresentações. “O jogo de xadrez é um pretexto, o escolhemos por ser um jogo com alta exigência cognitiva. O usuário interage com o ambiente virtual por gestos motores e, de modo simultâneo, estimula áreas do cérebro relacionadas ao raciocínio lógico e ao cálculo de probabilidade, entre as possíveis movimentações das suas peças e as de seu adversário”.


No entanto, Brandão também adverte que é sabendo jogar xadre, o usuário pode aproveitar todo o potencial proposto pelo aplicativo, relacionados aos estímulos cognitivos. Caso o usuário não entenda as regras, ele ainda poderá jogar, pois o jogo apresentará possibilidades de movimentação, mas não irá apresentar informações em relação às estratégias possíveis.


Essa realização de atividade motora e cognitiva de forma simultânea é denominada dual task (tarefa dupla) e consiste no recrutamento muscular de diferentes segmentos corporais e na estimulação de diferentes áreas do córtex cerebral. A dual task possui o potencial de otimizar desde as habilidades relacionadas ao equilíbrio de idosos até o aumento de reserva cognitiva em pessoas de qualquer idade, o que se acredita estar associada à incidência de patologias neurodegenerativas como Parkinson e Alzheimer.


Como o GestureChess demanda a realização de movimentos com os membros superiores do corpo, ele se mostra uma alternativa de fisioterapia para pessoas que desenvolvem atrofia muscular na articulação do ombro durante o processo de envelhecimento, visto que há uma menor utilização dessa articulação acima do nível do ombro e que dificilmente são contempladas em sua plenitude durante as atividades cotidianas.

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa