logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) premia vencedores

Seg, 13 de Agosto de 2018 18:01

Evento que aconteceu no Rio de Janeiro, nessa quinta-feira, contou com a participação da Diretora do CNPq, Adriana Tonini e entregou medalhas para os finalistas da edição 2017 da competição.

 

O IMPA (Instituto de Matemática Pura e Aplicada) premiou nesta quinta-feira (2) os vencedores da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) 2017. A edição contou, pela primeira vez, com participantes de 4.473 colégios particulares.

 

Representando o Conselho Nacional de Desenvolvimento Cientifico e Tecnológico (CNPq), a Diretora de Engenharias, Ciências Exatas, Humanas e Sociais, Adriana Tonini esteve presente na cerimônia que aconteceu no Rio de Janeiro e entregou medalhas de ouro a 576 estudantes de escolas públicas e privadas de todo o Brasil. O CNPq é parceiro da OBMEP com a concessão de bolsas de Iniciação Científica Junior aos medalhistas.

 

A OBMEP manteve o número de medalhas a alunos de escolas públicas das edições anteriores: 500 medalhas de ouro, 1.500 de prata e 4.506 de bronze - em decorrência de empate - e 38,6 mil menções honrosas. Os alunos de escolas particulares receberão 76 medalhas de ouro, 227 de prata, 682 de bronze e 5,7 mil menções honrosas.

 

A 13ª edição da OBMEP bateu novo recorde de escolas (53.231), de 99,6% dos municípios brasileiros. Dos 18,2 milhões de estudantes inscritos, 941 mil foram classificados para a segunda fase da competição - 903 mil de escolas públicas e 38 mil de particulares.

 

Sobre a OBMEP

 

Destinada a estudantes do 6º ano do Ensino Fundamental ao 3ºano do Ensino Médio, a OBMEP é realizada pelo IMPA e promovida com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) e do Ministério da Educação (MEC), com o apoio da Sociedade Brasileira de Matemática (SBM).

 

A olimpíada integra o calendário de atividades do Biênio da Matemática do Brasil 2017-2018, que tem patrocínio do BNDES e apoio dos ministérios da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações e da Educação. Criada em 2005 pelo IMPA, a OBMEP tem como metas estimular o estudo da Matemática, revelar talentos - incentivando seu ingresso nas áreas científicas e tecnológicas - e promover a inclusão social pela difusão do conhecimento.

 

O impacto efetivo da OBMEP nos resultados de Matemática no país tem sido medido por estudos independentes. De acordo com trabalho do ex-presidente do INEP Chico Soares, escolas que participam ativamente da competição apresentam melhora no desempenho dos alunos de 26 pontos na Prova Brasil, o equivalente a 1,5 ano de escolaridade extra.

 

Parceria com o CNPq

 

O CNPq mantém uma parceria com a OBMEP por meio do Programa de Iniciação Científica Jr (PIC), para o qual a agência concede bolsas nessa modalidade. O PIC é um programa que propicia ao aluno premiado em cada edição da OBMEP entrar em contato com interessantes questões no ramo da Matemática, ampliando o seu conhecimento científico e preparando-o para um futuro desempenho profissional e acadêmico.

 

Os medalhistas que já fizeram o PIC mais de duas vezes, com pelo menos uma participação no nível 3 deverão participar do Programa Mentores OBMEP, que oferece atividades ministradas por professores universitários sobre conteúdos que envolvem matemática.

 

Em 2017, foram concedidas 6 mil bolsas IC no âmbito desse programa. Desde 2008, já foram quase 44 mil bolsas concedidas.

 

CNPq e Olimpíadas Científicas

 

Desde de 2005 o CNPq vem aportando recursos para as Chamadas de Olimpíadas Científicas. O objetivo é apoiar esse tipo de competição como instrumento de popularização da ciência e melhoria do Ensino Básico, para identificar jovens talentosos que possam ser estimulados nas carreiras técnico-científicas e docente.

 

Em 2017, foram 14 propostas contempladas, somando R$ 3,5 milhões em recursos destinados. Foram contempladas diversas áreas como divulgação científica, física, astronomia, educação, história, ciências da computação, química, geociências, fisiologia e agronomia.

 

Fonte: Portal CNPq

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa