logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

Europa apresenta proposta de 100 bilhões de euros na ciência

Sex, 08 de Junho de 2018 11:46

Programa de investigação e desenvolvimento para o período 2021-2027 foi apresentado hoje, em Bruxelas. O Horizonte Europa é o sucessor do atual Horizonte 2020 e prevê um aumento do orçamento em 23 bilhões de euros nesta área, mas há já quem reclame que não é suficiente

 

A Comissão Europeia apresentou esta quinta-feira, em Bruxelas, as linhas gerais do próximo programa Horizonte Europa que dedica um orçamento de 100 mil milhões de euros para investir em ciência entre 2021 e 2027. Entre as principais medidas, está a já anunciada criação de um Conselho Europeu de Inovação, um novo “modus operandi” de ciência aberta apoiado na partilha do conhecimento e a definição de missões à escala europeia. Falta agora o difícil processo de negociações da proposta que alguns já consideraram insuficiente mas que ainda poderá sofrer cortes se a tradição de anteriores edições se voltar a cumprir. Portugal espera duplicar a verba de mil milhões prevista com o actual programa Horizonte 2020.

 

PUB

 

É anunciado como o mais ambicioso programa de investigação e inovação da União Europeia (UE). O Horizonte Europa é o sucessor do actual Horizonte 2020 e a proposta da Comissão Europeia para este novo programa prevê uma dotação financeira de 100 mil milhões de euros para investir entre 2021 e 2027. São mais 23 mil milhões de euros em relação ao quadro em vigor, o Horizonte 2020, o que representa um aumento de 43%. No entanto, segundo os cálculos dos especialistas num artigo publicado no site Science Business, se ajustarmos o orçamento à taxa de inflação, o aumento em relação ao anterior programa representa menos de 10 mil milhões. Seja como for, há um aumento do investimento na ciência no horizonte que vai de 2021 a 2027. E Carlos Moedas, Comissário europeu para a Ciência, Investigação e Inovação, mostra-se bastante satisfeito com este reforço que não conta com a participação do Reino Unido, um importante contribuinte que com o Brexit fica fora destas contas. Resumidamente, diz Carlos Moedas, o objectivo é “manter o que fazemos bem e revolucionar o que ainda não conseguimos fazer tão bem”. O que traduzindo, diz, quer dizer que se vai continuar a apostar na ciência fundamental e reforçar o investimento na inovação.

 

Especificamente sobre Portugal, Carlos Moedas adianta que, segundo os dados fornecidos pelo ministro da Ciência Manuel Heitor, a esta data o país já recebeu 556 milhões de euros do programa Horizonte 2020. A expectativa é chegar a mil milhões no final do actual programa e, mais ambiciosa ainda, duplicar este valor até 2027 com o Horizonte Europa.

 

Três pilares para sete anos

 

Nos planos da Comissão Europeia o novo programa tem três pilares. A maior fatia, de 52,7 mil milhões de euros, é destinada aos Desafios Globais e Competitividade Industrial. Este é o pilar que apoia directamente “a investigação relacionada com os desafios societais, reforça as capacidades tecnológicas e industriais e define missões à escala da União Europeia com objectivos ambiciosos que abordam alguns dos nossos maiores problemas”. As missões, adianta Carlos Moedas ao PÚBLICO, pressupõem a definição de metas que serão definidas até ao final do ano para os cinco “clusters” das áreas da saúde, sociedade segura e inclusiva, digital e indústria, clima, energia e mobilidade e, por fim, alimentação e recursos naturais. “A ideia é usar uma linguagem simples para resolver de forma ambiciosa um problema social”, diz Carlos Moedas, que arrisca um exemplo: “Podemos definir como missão qualquer coisa como que ninguém morra de cancro em 2030.”

 

Fonte: Jornal da Ciência, 07/06/2018, com informações Público

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa