logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

Três pesquisadores da USP são eleitos Membros Titulares da ABC

Sex, 18 de Maio de 2018 11:05

Os pesquisadores da Universidade de São Paulo Alicia Juliana Kowaltowski, Célia Regina da Silva Garcia e Roberto Manuel Torresi tomaram posse como Membros Titulares da Academia Brasileira de Ciências (ABC) em cerimônia realizada no Museu do Amanhã, Rio de Janeiro, no dia 9 de maio.

 

Kowaltowski é professora do Instituto de Química (IQ-USP) e integra a equipe do Centro de Pesquisa em Processos Redox em Biomedicina (Redoxoma), um Centro de Pesquisa, Inovação e Difusão (CEPID) da FAPESP. Torresi, também do IQ-USP, coordena o Projeto Temático “Otimização das propriedades físico-químicas de materiais nanoestruturados e suas aplicações em reconhecimento molecular, catálise e conversão/armazenamento de energia”. Já Garcia é professora da Faculdade de Ciências Farmacêuticas (FCF-USP) e coordena o Projeto Temático “Genômica funcional em Plasmodium”.

 

Ao todo, 19 cientistas de excelência foram eleitos este ano, dentre Membros Titulares (radicados no Brasil há mais de 10 anos e com destacada atuação científica) e Correspondentes (baseados no exterior há mais de uma década e que tenham prestado relevante colaboração ao desenvolvimento da ciência no Brasil).

 

Nas Ciências Matemáticas, tomou posse Jose Felipe Linares Ramirez (Instituto de Matemática Pura e Aplicada). Na área de Ciências Físicas, foram eleitos dois pesquisadores do Nordeste, Antonio Gomes de Souza Filho (Universidade Federal do Ceará) e José Renan de Medeiros (Universidade Federal do Rio Grande do Norte). As Ciências Químicas elegeram pesquisadores do Sul-Sudeste: Antonio Salvio Mangrich (Universidade Federal do Paraná) e Torresi.

 

As Ciências Biológicas elegeram Kowaltowski e Philip Martin Fearnside (Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia), que foi membro correspondente da ABC desde 1993. Na área de Ciências Biomédicas foram empossados Amilcar Tanuri (Universidade Federal do Rio de Janeiro) e Garcia. Já nas Ciências da Saúde, tomou posse Celina Maria Turchi Martelli (Fundação Oswaldo Cruz em Pernambuco).

 

Os novos Membros Correspondentes são Christian André Amatore (Centre National de la Recherche Scientifique, França), das Ciências Químicas; Christopher Michael Wood (University of British Columbia, Canadá), da área de Ciências Biológicas, e Jeremy Nichol McNeil (Western University, Canadá), na área de Ciências Agrárias.

 

Durante a cerimônia de posse, Kowaltowski discursou em nome dos novos membros. Ela agradeceu pela inclusão nos quadros da ABC, que afirmou ser uma grande honra numa carreira em que se erra muito até conseguir resultados construtivos, e que envolve pessoas com curiosidade, vontade de entender e de desenvolver inovações fantásticas.

 

Destacou, porém, que o conhecimento da sociedade sobre ciência não acompanhou seu desenvolvimento e atribuiu aos cientistas a responsabilidade de reduzir gradativamente esta distância, contribuindo para a educação científica, combatendo atitudes anticientíficas, pseudociências e explicando o método científico.

 

Também destacou a importância de cobrar dos governantes conjuntamente e apartidariamente o apoio à ciência, ressaltando que sem ciência internacionalmente reconhecida e competitiva não há desenvolvimento.

 

“Posso falar em nome dos meus colegas que estão aqui hoje, como eu, tomando posse: a ABC pode contar conosco para lutar como for necessário no sentido de levar o Brasil ao patamar de protagonismo científico em nível internacional”, disse.

 

Na cerimônia, o presidente da ABC, Luiz Davidovich, recebeu uma Menção Especial de Agradecimentos do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) em nome da Academia.

 

Junto com mais seis pesquisadores brasileiros, os acadêmicos Carlos Medicis Morel (Fiocruz), Luiz Antonio Barreto de Castro (Agropecuária Biotecnologia Consultoria e Projetos), Vanderlei Salvador Bagnato (USP) e Walter Colli (USP) receberam o título de Pesquisadores Eméritos do CNPq, pelo conjunto de sua obra científico-tecnológica e por seu renome junto à comunidade científica.

 

O historiador Jorge Sidney Coli Junior recebeu o Prêmio Almirante Álvaro Alberto para Ciência e Tecnologia – na categoria Ciências Humanas e Sociais, Letras e Artes. Ele é professor titular de História da Arte e História da Cultura na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). O prêmio é uma iniciativa do CNPq, Fundação Conrado Wessel e Marinha do Brasil.

 

Já o matemático Jacob Palis, integrante de 12 academias de ciência em todo o mundo, recebeu a medalha Henrique Morize, da ABC, criada para premiar personalidades que tenham prestado grandes serviços à ABC e à ciência brasileira.

 

* Com informações de Elisa Oswaldo-Cruz (Notícias da ABC) e Maria Célia Wider (Redoxoma).

 

Fonte: Portal Agência FAPESP

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa