logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

Investimento em dose dupla para combater a resistência aos antimicrobianos

Ter, 24 de Abril de 2018 11:04

Duas oportunidades de financiamento de projetos no tema de resistência aos antibióticos estão abertas por meio de editais que envolvem parcerias entre Ministério da Saúde, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e Fundação Bill & Melinda Gates.

 

Os editais abrangem linhas temáticas complementares na busca de soluções para esse problema, que ameaça a saúde da população em todo o mundo e pode matar 50 milhões de pessoas até 2050. Os interessados podem se inscrever em uma ou nas duas chamadas.

 

A chamada Pesquisa em Resistência aos Antimicrobianos, lançada pelo Ministério da Saúde em parceria com o CNPq, vai financiar estudos em três linhas de pesquisa com foco em mecanismos de disseminação, diagnóstico, prevenção e tratamento. Cada projeto receberá de 500 mil a 1,5 milhões de reais, dependendo da linha de estudo (o valor total é de 7 milhões de reais). Doutores ou livres-docentes poderão se inscrever até 21 de maio pelo portal CNPq.

 

O Grand Challenges Explorations Brazil: Novas Abordagens para Caracterizar a Prevalência de Resistência aos Antimicrobianos é uma parceria entre a Fundação Bill e Melinda Gates e o Ministério da Saúde. O programa busca abordagens inovadoras para lacunas de conhecimento sobre a resistência com foco em análise de dados e saúde única. Cada selecionado receberá cem mil dólares (a chamada tem valor total de um milhão de dólares). Pesquisadores de todas as formações e qualquer titulação podem participar. Inscrições até 28 de maio pelo site Grand Challenges Explorations.

 

O incentivo à pesquisa e à inovação é estratégia fundamental no combate à resistência aos antimicrobianos. Segundo a Organização Mundial da Saúde, a quantidade de tipos de bactérias resistentes cresce a cada ano, mas os tratamentos usados para combater essas infecções são os mesmos há cerca de trinta anos. Sem ações urgentes, doenças como tuberculose e gonorreia podem voltar a ser fatais.

 

Fonte: Portal CNPq

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa