logo

slogan

ufscar

Cadastre-se e receba as novidades sobre a Agência Inovação da UFSCar por e-mail
parceiros_top

failogopequeno

 

fortec

 

inpi

 

parceiros_bottom

Redes Sociais

face twitter youtube

CNPq e Capes levam pesquisadores para atuar em projetos da Embrapii

Seg, 29 de Janeiro de 2018 09:41

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulgaram nesta semana uma chamada pública do programa Talentos para Inovação, em parceria com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL). A ideia é levar mão de obra qualificada a projetos desenvolvidos por unidades e polos credenciados pela Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii). As inscrições começam em 6 de fevereiro e terminam em 12 de março.

 

Pela parceria, CNPq e Capes estimulam a inserção de pesquisadores no mercado de trabalho, para atuarem em propostas tecnológicas e de inovação contratadas por empresas junto à Embrapii. A chamada pública deve financiar até 90 bolsas de 12 meses – sendo três por projeto. As duas agências dividem igualmente a responsabilidade pelo orçamento de R$ 5,472 milhões, por meio da modalidade Bolsa Jovens Talentos, em valores de R$ 4,1 mil ou R$ 7 mil.

 

O diretor de Ciências Agrárias, Biológicas e da Saúde e presidente substituto do CNPq, Marcelo Morales, destacou o objetivo de capacitar recursos humanos pela participação em projetos executados via Embrapii. “Queremos incentivar ainda mais a inovação, que é um dos pilares da nossa missão institucional”, disse. “Essa parceria com a Capes e o IEL mostra o empenho e o alinhamento das principais entidades de financiamento à pesquisa, para que possamos transformar conhecimento em riqueza para o desenvolvimento do Brasil.”

 

Na visão do diretor-presidente da Embrapii, Jorge Guimarães, a medida pode fortalecer os laços entre os setores produtivo e acadêmico. “Queremos aproveitar a capacidade intelectual de nossos pesquisadores e estudantes, que têm muito a contribuir no fomento à inovação”, afirmou.

 

O programa Talentos para Inovação abrange 27 áreas de competências tecnológicas: bioquímica de renováveis; biotecnologias ambientais aplicadas à recuperação de áreas contaminadas e à valorização de resíduos do setor industrial; comunicações ópticas; desenvolvimento e escalonamento de processos biotecnológicos; dispositivos para internet e computação móvel; eletrônica embarcada; engenharia submarina; manufatura integrada; materiais de alto desempenho; materiais para construção ecoefiente; metalurgia e materiais; monitoramento e instrumentação para o meio ambiente; polímeros; processamento de biomassas; produtos conectados; sistemas automotivos inteligentes; sistemas de comunicação digital e radiofrequência; sistemas embarcados e mobilidade digital; sistemas inteligentes; software e automação; software para sistemas ciberfísicos; soluções computacionais em engenharia; tecnologia de dutos; tecnologia de química industrial; tecnologias em refrigeração; tecnologias em saúde; e tecnologias da indústria metalmecânica.

 

CNPq e Capes levam pesquisadores para atuar em projetos da Embrapii
Programa das agências distribui até 90 bolsas para inserir talentos em unidades e polos de inovação credenciados. Inscrições começam em 6 de fevereiro.

 

O Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) divulgaram nesta semana uma chamada pública do programa Talentos para Inovação, em parceria com o Instituto Euvaldo Lodi (IEL). A ideia é levar mão de obra qualificada a projetos desenvolvidos por unidades e polos credenciados pela Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii). As inscrições começam em 6 de fevereiro e terminam em 12 de março.

 

Pela parceria, CNPq e Capes estimulam a inserção de pesquisadores no mercado de trabalho, para atuarem em propostas tecnológicas e de inovação contratadas por empresas junto à Embrapii. A chamada pública deve financiar até 90 bolsas de 12 meses – sendo três por projeto. As duas agências dividem igualmente a responsabilidade pelo orçamento de R$ 5,472 milhões, por meio da modalidade Bolsa Jovens Talentos, em valores de R$ 4,1 mil ou R$ 7 mil.

 

O diretor de Ciências Agrárias, Biológicas e da Saúde e presidente substituto do CNPq, Marcelo Morales, destacou o objetivo de capacitar recursos humanos pela participação em projetos executados via Embrapii. “Queremos incentivar ainda mais a inovação, que é um dos pilares da nossa missão institucional”, disse. “Essa parceria com a Capes e o IEL mostra o empenho e o alinhamento das principais entidades de financiamento à pesquisa, para que possamos transformar conhecimento em riqueza para o desenvolvimento do Brasil.”

 

Na visão do diretor-presidente da Embrapii, Jorge Guimarães, a medida pode fortalecer os laços entre os setores produtivo e acadêmico. “Queremos aproveitar a capacidade intelectual de nossos pesquisadores e estudantes, que têm muito a contribuir no fomento à inovação”, afirmou.

 

O programa Talentos para Inovação abrange 27 áreas de competências tecnológicas: bioquímica de renováveis; biotecnologias ambientais aplicadas à recuperação de áreas contaminadas e à valorização de resíduos do setor industrial; comunicações ópticas; desenvolvimento e escalonamento de processos biotecnológicos; dispositivos para internet e computação móvel; eletrônica embarcada; engenharia submarina; manufatura integrada; materiais de alto desempenho; materiais para construção ecoefiente; metalurgia e materiais; monitoramento e instrumentação para o meio ambiente; polímeros; processamento de biomassas; produtos conectados; sistemas automotivos inteligentes; sistemas de comunicação digital e radiofrequência; sistemas embarcados e mobilidade digital; sistemas inteligentes; software e automação; software para sistemas ciberfísicos; soluções computacionais em engenharia; tecnologia de dutos; tecnologia de química industrial; tecnologias em refrigeração; tecnologias em saúde; e tecnologias da indústria metalmecânica.

 

Fonte: Portal MCTIC

 
free poker
logo_rodape
Agência de Inovação da UFSCar - Rodovia Washington Luís, km 235 - Caixa Postal 147 CEP: 13565-905
São Carlos, SP - Brasil - Tel: (16) 3351.9040 - inovacao@ufscar.brmaps
mapa